A Band será a casa da principal categoria do automobilismo mundial no Brasil até o final de 2025. O anúncio foi feito pela direção da emissora neste dia 14 de junho, após a assinatura de um novo acordo que prevê a exclusividade para a transmissão de todas as etapas do Campeonato Mundial de Fórmula 1 da Federação Internacional de Automobilismo em 2023, 2024 e 2025. O atual contrato terminaria no final da temporada de 2022.

Corridas de F1
As transmissões da F1 têm rendido audiências recordes na Band (Foto: FIA/Divulgação)

O diretor de Esportes do Grupo Bandeirantes de Comunicação, Denis Gavazzi, celebrou a renovação, pois a Fórmula 1 é hoje o principal produto do esporte do Grupo Bandeirantes. “Acredito que a sequência da parceria entre Band e Fórmula 1 é fruto do bom trabalho feito do ano passado até agora. Importante ressaltar que Band e Fórmula 1 são parceiros no Brasil e vamos trabalhar sempre juntos para o crescimento da categoria no nosso País”, afirmou.

Leia também: Drift, carros deslizantes

A competição tem rendido audiências recordes na emissora desde o ano passado, quando passou a transmitir as corridas. Segundo o Kantar (ex-Ibope), as seis primeiras corridas de 2022 apresentaram crescimento de audiência de 2% ao compararmos com as seis primeiras etapas de 2021 na Grande São Paulo, principal região metropolitana do Brasil. Ou seja, a média das seis primeiras etapas foi de 4,3 pontos em 2021 e 4,4 pontos este ano.

“Estamos muito satisfeitos por trabalhar com a Band por mais um período e continuar o impressionante crescimento que testemunhamos no ano passado. A Fórmula 1 sempre teve uma presença significativa no Brasil e uma história ilustre associada ao país. O esporte desfrutou de um grande interesse nas últimas temporadas e parece que estamos vivendo outra grande batalha pelo título nesta emocionante nova era da F1”, ressaltou o diretor de Direitos de Mídia e Criação de Conteúdo da Fórmula 1, Ian Holmes.

Leia também : Hamilton apaixonado

Já o diretor Nacional de Conteúdo do Grupo Bandeirantes de Comunicação, Rodolfo Schneider, ressaltou que a Band tem o DNA do esporte. “Sempre foi e continua sendo o Canal do Esporte na memória dos brasileiros. E a chegada da Fórmula 1 fortaleceu esse pilar e se tornou um grande sucesso. Os números comprovam isso. Temos um time brilhante na cobertura de toda a temporada e temos espaço dentro dos veículos do Grupo para tratar a Formula 1 com o tamanho que ela merece e os telespectadores querem”, avalia.

Equipe no capricho

As transmissões da Fórmula 1 contam com um time especializado. Sérgio Mauricio é o narrador oficial das corridas. Reginaldo Leme, que acompanhou de perto oito conquistas de títulos mundiais e 101 vitórias de pilotos brasileiros, é comentarista. Max Wilson, piloto que conquistou 37 pódios, 13 vitórias e sete pole positions ao longo da carreira, e Felipe Giaffone – piloto da Fórmula Indy entre 2000 e 2006 e maior ganhador da Fórmula Truck dos últimos tempos -, completam o time de comentaristas. A jornalista Mariana Becker, referência na cobertura de Fórmula 1 há quase 15 anos, completa a equipe com suas reportagens direto dos circuitos.

Depois de 41 anos, o Grupo Bandeirantes voltou a ser a casa da categoria em 2021 em todas as plataformas: TV aberta (Band), TV por assinatura (BandSports), rádios (BandNews FM e Rádio Bandeirantes) e digital (Band.com.br).

⇒ VOCÊ E O ACELERA AÍ
Dicas e sugestões: redacao@aceleraai.com.br
Visite e curta a fanpage do Acelera Aí (
www.facebook.com/aceleraai/)
Instagram e Twitter/@aceleraaibh
Você também pode acessar o conteúdo pelo 
www.bhaz.com.br
Os editores do Acelera Aí apresentam a coluna Acelera BandNews, na Rádio BandNews FM BH (89,5). Ouça também no https://soundcloud.com/radiobandnewsbh